A CANOAGEM NO BRASIL

No Brasil, a canoagem surgiu como prática esportiva de forma informal no ano de 1943, através de um imigrante alemão nascido em 1915, o Sr. José Wingen. Ele residiu em Porto Alegre e em 1941 mudou-se para a cidade de Estrela banhada, pelo Rio Taquari, onde decidiu construir uma embarcação de madeira parecida com as que ele utilizava durante a sua infância quando competia pelo Kanu Club da Alemanha. Dessa forma surgiu o primeiro caiaque na região e no país, denominado de “regata”, que despertou um enorme interesse pela atividade na comunidade local. Posteriormente, segundo o próprio Sr. José Wingen, a canoagem sofreu com a falta de infra-estrutura, desestimulando os praticantes, mas acabou tendo o seu mais duro golpe com a construção da represa de Bom Retiro, levando a canoagem nacional a um momento de estagnação e descontinuidade (IMBRIACO, 2001).
Somente em meados da década de 70 / 80, a canoagem nacional foi retomada com a chegada dos primeiros caiaques em fibra de vidro trazidos da Europa e da Argentina. Tais embarcações serviram como molde para a construção dos primeiros caiaques nacionais em resina de poliester reforçada com fibra de vidro (IMBRIACO, 2001; ROBBA, 2001). A sua organização, no Brasil, é relativamente recente. A CBCa, Confederação Brasileira de Canoagem, atualmente com sede na cidade de Curitiba, Estado do Paraná. Foi fundada em 1988 com apenas quatro associações filiadas. Apesar de sua pouca idade já está conseguindo resultados expressivos a nível internacional tornando-se conhecida por grande parte da população. Este grande desenvolvimento deve-se ao árduo trabalho estruturado e organizado realizado pela CBCa e ao esforço dos atletas orientados e supervisionados por excelentes treinadores (IMBRIACO, 2001). (Fonte: CBCa)

Estado de Rio de Janeiro
A FECAERJ foi fundada na cidade Petrópolis-RJ no dia 13 de Maio 1987, filiada na Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa) desde então sob o nº 004/89.
As primeiras Entidades filiadas (Fundadores) foram:
- Associação Friburguense de canoagem – AFRICA
- Associação de Canoagem Esportiva do Rio de Janeiro – ACERJ
- Centro de Atividade ao Ar Livre de Petrópolis – CAALP
No estatuto foram fixadas várias regras para poder atender o esporte canoagem no estado, entre eles ficou aprovada a logo que é utilizada até hoje:

  • +O QUE É CANOAGEM?
    Este termo serve para se designar o esporte praticado em canoas, caiaques e wave-skis, indistintamente, em mar, rio, lago, águas calmas ou agitadas. Em inglês encontramos os termos canoeing e kayaking.
  • +O QUE É CANOA?
    Embarcação aberta ou fechada, originária dos índios canadenses, usa um remo de uma só pá. O(s) remador(es) pode(m) estar sentado(s) ou ajoelhado(s). A canoa aberta, conhecida também como Canadense (open canadian) é muito pouco divulgada entre nós.
  • +O QUE É CAIAQUE?
    Embarcação fechada, com origem entre os esquimós, usa um remo de duas pás e o(s) remador(es) senta(m) na cabine. Os caiaques são os que mais se popularizaram no Brasil. O mais visto ainda hoje é o conhecido surfinho, por onde passaram todos aqueles que hoje praticam a verdadeira canoagem em onda. Temos também o Turismo, apropriado ao lazer sem finalidade específica. Passamos daí aos caiaques mais especializados: o slalom e o de descida, para águas brancas (corredeiras), e os caiaques de velocidade em águas calmas: K1, K2 e K4 (1, 2 ou quatro remadores).
  • +O QUE É WAVE-SKI?
    Embarcação aberta, semelhante a uma prancha de surf, usa um remo de duas pás. O remador está sentado e usa o wave-ski, essencialmente, para o surf.
  • +O QUE É CANOÍSTA?
    Em português, é o termo usado para quem - homens ou mulheres - rema uma canoa, caiaque ou wave-ski. Em inglês existem termos como: kayaker/kayakist/canoeist.